Chuvas no Rio: bispo convida à solidariedade

2

O bispo de Petrópolis, Dom Filippo Santoro, convocou os católicos a serem solidários com as vítimas das fortes chuvas e deslizamentos de terra registrados desde a madrugada desta terça-feira (12/1) na região serrana do Rio de Janeiro.

Em Teresópolis, foram confirmadas 130 mortes decorrentes de deslizamentos de terra. O número de vítimas fatais chega a 245 na região (18 em Petrópolis e 97 em Nova Friburgo), segundo informações oficiais da noite desta quarta-feira.

Na cidade de Teresópolis foi decretado estado de calamidade pública. Equipes de resgate ainda buscam sobreviventes em diversas áreas do município. Estima-se que o número de desabrigados ultrapasse 1.000 pessoas.

A diocese de Petrópolis ?participa da dor pelas vítimas da chuva?, afirmou a Igreja local, em nota.

Através do bispo, Dom Filippo Santoro, a diocese ?se solidariza com as vítimas, com os desabrigados e desalojados e coloca a disposição os ambientes das paróquias para os primeiros socorros as vitimas da enchente?, afirma o texto.

Dom Filippo ?convoca toda comunidade católica a ser plenamente solidária nesta dramática situação, colaborando com as forças governamentais?.

Ao mesmo tempo, bispo e clero renovam as orações ?para que sejam poupados outros sofrimentos à cidade de Teresópolis?.

A Cáritas do Rio de Janeiro enviou R$ 20 mil para a diocese de Petrópolis, para ajudar no atendimento emergencial às vítimas.

Fonte: Zenit.org