Dom José Antonio Aparecido Tosi Marques completa catorze anos à frente da Arquidiocese de Fortaleza

1

Hoje, 24 de março de 2013, dom José Antonio Aparecido Tosi Marques completa catorze anos na Arquidiocese de Fortaleza.


Queremos neste dia em que começamos a Semana Santa, a semana maior do ano na vida da Igreja, não só dar-lhe nossos parabéns, mas agradecer-lhe por seu zelo e sabedoria, por seu testemunho e ações, por seu esforço de comunhão e participação no pastoreio da Arquidiocese de Fortaleza, esta porção do Povo de Deus que a ele foi confiada. O exercício do múnus episcopal na Igreja de Fortaleza, ele sempre o exerceu em comunhão com o colégio episcopal, tanto no Ceará como no Brasil, construindo e acolhendo quer as decisões regionais, quer as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora definidas pela CNBB; também, e não havia de ser diferente, sempre em perfeita comunhão com o Santo Padre, os papas João Paulo II, Bento XVI e, agora, Francisco.


Também tem governado a Igreja de Fortaleza com seus bispos auxiliares e vigários gerais e com os Conselhos desta Igreja – Presbiteral, Episcopal, Pastoral e Econômico – que têm funcionado, nestes catorze anos, com a sua presidência, em reuniões ordinárias, agendadas anualmente. Também escuta, quando necessário, o Colégio de Consultores.


Tem tido uma dedicação especial à formação dos seminaristas, nos três seminários da Arquidiocese – Propedêutico, Filosofia e Teologia – e na Faculdade Católica de Fortaleza. Já ungiu presbíteros mais de cem jovens desta Igreja nestes catorze anos.


No seu pastoreio podemos destacar entre muitas coisas – as principais delas, às vezes, não são vistas, pois é no segredo e no silêncio que se faz presente, sobremaneira, a ação de Deus – as seguintes ações e realizações:


• Diaconato permanente e Escola Diaconal;


• Fórum dos movimentos eclesiais – FAMEC – como um espaço de articulação dos serviços, movimentos, associações e comunidades novas;


• Fundo Arquidiocesano de Solidariedade;


• Fundo de sustentação dos Presbíteros;


• Redimensionamento das Regiões Episcopais, aumentando-as de seis para nove;


• Criação da Faculdade Católica de Fortaleza;


• Criação do Centro de Pastoral Maria, Mãe da Igreja;


• Criação de mais de cinquenta paróquias e áreas pastorais;


• Caminhada Penitencial, no terceiro domingo da Quaresma;


• Caminhada com Maria, na festa da Assunção de Nossa Senhora, padroeira de Fortaleza.


Na orientação pastoral, olhando a realidade cearense, auscultando a Palavra.

Por Miguel Brandão – Secretariado de Pastoral da Arquidiocese de Fortaleza.


http://www.arquidiocesedefortaleza.org.br/atualidades/hoje-24-de-marco-de-2013-dom-jose-antonio-aparecido-tosi-marques-completa-catorze-anos-na-arquidiocese-de-fortaleza/