Falece bispo emérito de Teófilo Otoni (MG), Dom Diogo Reesink

0

O bispo faleceu aos 84 anos após um longo período de enfermidade

Da redação, com CNBB Leste2

Bispo emérito da Diocese de Teófilo Otoni (MG), Dom Diogo Reesink, ofm, faleceu hoje / Foto: CNBB Leste 2




Faleceu na madrugada desta quinta-feira, 30, o bispo emérito da Diocese de Teófilo Otoni (MG), Dom Diogo Reesink, ofm, aos 84 anos, após longo período de enfermidade. A notícia foi comunicada pelo regional da CNBB Leste 2.


“O Regional Leste 2 recebeu, com pesar, a notícia do falecimento de Dom Diogo e se une para agradecer a Deus a imensa riqueza de dons oferecida à Igreja pela sua vida e testemunho. Louvamos ao Senhor que nos concedeu a graça de uma convivência fraterna com um Bispo cheio de amor pelo clero e pelas comunidades”, destaca o comunicado.


A Missa de exéquias será realizada nesta tarde, às 15h, no Santuário Santo Antônio na cidade de Divinópolis (MG), município em que o bispo emérito residia. Em seguida, o seu corpo será transportado para o bairro Colônia Santa Isabel, em Betim (MG) – onde Dom Diogo trabalhou por alguns anos -, e será velado até a manhã desta sexta-feira, 31.


Às 8h, haverá uma Missa, e o corpo seguirá para Areias, em Ribeirão das Neves (MG), onde será sepultado no Cemitério Provincial dos Franciscanos.

Sobre o bispo


Dom Diogo nasceu em Heerlerheide, na Holanda, no dia 28 de julho de 1934. Ingressou na vida religiosa em 1956, na Ordem dos Frades Menores. Sua ordenação sacerdotal foi no dia 15 de julho de 1962.


Tornou-se Ministro Provincial da Província Santa Cruz no período de 1970 a 1979. E, em 1989, foi nomeado bispo da Diocese de Almenara, em Minas Gerais, pelo Papa João Paulo II, assumindo como lema episcopal “O pouco com Deus é muito”.


Em 1998, Dom Diogo foi nomeado bispo de Teófilo Otoni e permaneceu como responsável da diocese até o ano de 2009, quanto tornou-se bispo emérito. Ele foi sucedido por Dom Aloísio Jorge Pena Vitral.