Semana Nacional da Família no Brasil terá live de abertura

18

Oficialmente, a semana promovida pela Comissão Nacional da Pastoral Familiar acontece de 9 a 15 de agosto, mas é neste sábado (8), a partir das 10h, no horário de Brasília, que uma live vai abrir a programação em nível nacional. Além da participação do presidente da CNBB, o arcebispo de Belo Horizonte (MG), dom Walmor Oliveira de Azevedo, o momento de formação e oração também vai contar com a presença de uma família de São João Del Rei (MG) e da psicóloga portuguesa Marta Pimenta, que vai falar sobre “A família na pós-pandemia”. A live é no canal da Pastoral Familiar no YouTube.

Vatican News

A Comissão Nacional da Pastoral Familiar está preparando uma abertura especial para a Semana Nacional da Família, que ocorre de 9 a 15 de agosto. Neste sábado (8) acontece uma live, com momentos de formação, de oração e com a participação do presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o arcebispo de Belo Horizonte (MG), dom Walmor Oliveira de Azevedo. Ainda vão participar da transmissão ao vivo uma família de São João Del Rei (MG) e a psicóloga portuguesa Marta Pimenta, que vai falar sobre “A família na pós-pandemia”. A live no canal da Pastoral Familiar no Youtube, que marca a abertura nacional do evento, começa às 10h, no horário de Brasília.

No dia 16 de agosto, a CNPF vai promover uma segunda live, desta vez para encerramento da Semana. Neste dia, a principal atração serão os próprios agentes de Pastoral, pois o foco do programa serão celebrações e trabalhos realizados durante a semana nas diversas comunidades. Os agentes são convidados a compartilharem fotos e pequenos vídeos em suas redes sociais com a hashtag #semananacionaldafamília. As publicações serão selecionadas e divulgadas durante a live.

Além das lives, a Comissão Nacional da Pastoral Familiar motiva para a promoção de programações paroquiais, diocesanas e regionais. O convite do padre Crispim Guimarães, assessor da Comissão para a Vida e a Família e secretário executivo da CNPF, é para que coloquemos todas as novas realidades e situações impostas pela pandemia no altar do Senhor durante a Semana Nacional da Família, que acontece dentro do Mês Vocacional, uma mobilização de grupos e comunidades que ocorre desde 1992, com momentos de oração, formação e reflexão. Neste ano, o tema é “Eu e minha casa serviremos ao Senhor” (Josué 24, 15).

Hora da Família

Para animar a Semana Nacional da Família – do Dia dos Pais até o dia 15 de agosto – a Comissão Nacional da Pastoral Familiar, organismo vinculado à Comissão Vida e Família da CNBB, elabora o subsídio “Hora da Família”, que começou a ser editado desde a vinda de São João Paulo II ao Brasil, em 1994. Neste ano de 2020, o material ganhou duas versões, uma com encontros mensais e outra especialmente preparada para a Semana Nacional da Família, agora chamada “Hora da Família Especial”.

O subsídio possui roteiro para os sete dias da semana com atividades que envolvem toda a família, sugestões de oração e de cantos. O material está disponível na versão impressa e também no App Estante Pastoral Familiar, numa versão digital.

“O Hora da Família se coloca a serviço da Igreja e da construção do Reino de Deus começando em nossas casas. Aproveitem cada encontro e animem sua comunidade a vivenciarem os temas propostos como um itinerário de aprofundamento da fé em família a serviço da comunidade”, motiva o bispo de Rio Grande (RS) e presidente da Comissão para a Vida e a Família da CNBB, dom Ricardo Hoepers.

Celebrar em tempos de pandemia

O bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário-geral da CNBB, dom Joel Portella Amado, recordou em mensagem o momento desafiador da pandemia do novo coronavírus, que tem imposto limites ao agir pastoral “ameaçando e mesmo levando embora tantas vidas”. Segundo ele, o lema deste ano, é muito adequado para o momento que estamos passando:

“Eu tomo mesmo a liberdade de compreender o lema do seguinte modo: ‘Eu e minha casa serviremos ao Senhor com pandemia ou sem pandemia, no modo presencial ou no modo virtual’. Isso porque, em qualquer condição uma família que se volta para o Senhor em atitude de fé, atitude traduzida em escuta da Palavra de Deus e no serviço a Deus através do próximo, aqui está um aspecto irrenunciável da nossa fé.”

O casal coordenador nacional da Pastoral Familiar, Luiz e Kátia Stolf, deseja que seja possível fazer uma Semana da Família abençoada mesmo com a pandemia e o isolamento social: “que possamos fazer em nossas casas, a nossa pequena Igreja doméstica, acontecer também a Semana da Família, com nossos filhos, com nossos netos, enfim, com aqueles que convivem conosco. Aproveitemos esse momento especial de graça que Deus está nos dando para realizar e também celebrar a Semana da Família”. Luiz e Kátia motivam a participação da forma disponível, seja nas comunidades, nas paróquias ou nas suas casas, com um grupo de conhecidos online, de forma virtual.

Celebração do 19º Domingo do Tempo Comum

Já está disponível o roteiro “Celebrar em família” oferecido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia da CNBB para a celebração da Palavra do 19º Domingo do Tempo Comum.

“Acolhendo as orientações das autoridades sanitárias, nossos bispos, nas mais diversas situações e realidades, vão, a partir de um cuidadoso discernimento, orientando suas dioceses, paróquias e comunidades sobre como e quando vão sendo retomadas as celebrações comunitárias presenciais. Contudo, pessoas impossibilitadas por motivo de saúde ou idade, ou porque pertencem ao denominado ‘grupo de risco’ devem ainda abster-se de participar das celebrações comunitárias dominicais”, recorda a Comissão para a Liturgia da CNBB.

Nesse sentido, a Comissão continua a oferecer esta sugestão de Celebração da Palavra de Deus para ser celebrada em casa, com os familiares: “São muitos os horários de transmissão de missas em nossos canais católicos que podemos acompanhar, mas vivendo a dignidade de povo sacerdotal que nosso batismo nos conferiu, podemos não só acompanhar, mas CELEBRAR com nossas famílias o Dia do Senhor”.

O roteiro contém a primeira leitura, o salmo e o Evangelho do domingo, além de sugestões de orações e cantos, os quais recordam a semana dedicada à vocação para a vida em família neste mês vocacional.

Fonte: Vatican News