Bento XVI acenderá a maior árvore de Natal do mundo

1

Do Vaticano, o Papa deverá digitar num tablet e ativará a iluminação em Gubbio

Será o papa Bento XVI que irá acender as luzes da maior árvore de Natal do mundo, armada em Gubbio (Itália), como “sinal universal de paz e fraternidade entre os povos.”


O Santo Padre fará isso amanhã à noite, diretamente do seu apartamento no Vaticano, digitando em um tablet que, através da internet, irá ativar o contato elétrico para a iluminação do enorme pinheiro colorido, projetado sobre o lado do monte Ingino que domina a cidade Umbra.

O evento será transmitido ao vivo pelo Centro Televisivo Vaticano e transmitido pela RAI Uno das 18.15 às 18.45. Em Gubbio a cerimônia começará às 17.45 na praça do hotel Beniamino Ubaldi, onde se colocará uma grande tela: depois da exibição dos porta-bandeiras, haverá a saudação da autoridade e começará a conexão com a primeira rede nacional.


A maior árvore de Natal do mundo estende-se, com uma base de 450 metros, por mais de 750 metros nas encostas do Monte Ingino. A árvore cobre uma área de aproximadamente 130 mil metros quadrados, com mais de 300 pontos luminosos na cor verde que delineiam a forma que se acende com 400 luzes multicoloridas. O cometa é projetado por mais de 250 luzes por uma área de aproximadamente 1000 metros quadrados.


Desde 1981, a Árvore é preparada todos os anos por um grupo de voluntários e também este ano, como de costume, será acesa no dia 7 de dezembro na presença de representantes do mundo da cultura, das instituições, da ciência e do entretenimento.